Planos com até 30% de desconto

EnglishPortugueseSpanish

Como montar uma distribuidora Passo a Passo

Tempo de leitura estimado: 5 minutos

Aprenda como montar uma distribuidora Entrar na distribuição de produtos significa entrar em uma grande indústria. Por exemplo, existem cerca de 300.000 distribuidores no Brasil que produzem uma receita anual combinada de R$ 3,2 trilhões.

Apesar desse grande número de participantes, a natureza fragmentada e competitiva do setor permite muitos novos participantes lucrativos.  Com algum planejamento e espírito empreendedor, você também pode estar no caminho de possuir um negócio de distribuição bem-sucedido.

Como montar uma distribuidora estratégia de negócios

Decida que tipo de negócio de distribuição você administrará

Os distribuidores podem ser divididos em duas categorias com base em quem eles servem. Primeiro, os distribuidores de varejo compram de atacadistas ou fabricantes e vendem produtos diretamente aos consumidores (usuários finais). Por outro lado, os distribuidores atacadistas compram de fabricantes e revendem os produtos a varejistas ou outros distribuidores.  Qual é o certo para o seu negócio dependerá de seus objetivos e experiência.

Decida o que você gostaria de distribuir

Você pode se concentrar em um produto específico ou oferecer uma variedade de itens. Sua decisão pode ser baseada em uma paixão ou em um produto difícil de encontrar em sua própria experiência pessoal.

  • Embora muitas empresas grandes sejam atendidas por distribuidores igualmente grandes, eles não estão dispostos ou são incapazes de atender a empresas menores e mais especializadas. Uma boa idéia, especialmente em um mercado movimentado, como a distribuição de bebidas, pode ser fornecer produtos de nicho para esses varejistas especializados.

Como montar uma distribuidora Passo a Passo 1Elabore um plano de negócios que estabeleça a visão completa do seu novo negócio de distribuição. Um plano de negócios permite que você siga uma orientação para tornar seu negócio um sucesso. Este plano incluirá o tipo de distribuidor que você será, os produtos que planeja oferecer (pelo menos inicialmente), o nome da sua empresa, sua base de clientes-alvo, método de envio e uma estratégia geral. Essa estratégia pode ser tão simples quanto focar em serviços rápidos e eficazes, ou mais complicada, como especificar uma maneira de oferecer produtos especializados indisponíveis por outros distribuidores.

Estime seus custos de inicialização

Além de um plano de negócios, você também precisará de uma idéia de quanto dinheiro será necessário para colocar seus negócios em funcionamento. Como distribuidor, sua maior despesa será o inventário. Isso significa que seus custos de inicialização variam amplamente, dependendo do que você planeja vender. Você também precisará de um local de negócios, equipamento de escritório e alguns equipamentos de armazém (como empilhadeiras, se você tiver produtos pesados ​​ou prateleiras, se tiver produtos mais leves).

  • Para um exemplo de quanto os custos podem variar, dois negócios de sucesso em diferentes mercados começaram com R$ 700 e R$ 1,5 milhão, respectivamente. A primeira, uma empresa de gravatas, começou com uma quantia tão pequena porque os negócios eram administrados em casa, começaram com baixos custos de estoque e não exigiam nenhum equipamento para gerenciar. O segundo, um varejista de vinhos finos, tinha um produto caro para comprar, tinha que alugar um grande armazém e tinha altas despesas operacionais como controlar a temperatura do armazém e investir em equipamentos para transportar o produto pelo armazém e para os clientes. 
  • O advento da distribuição online também criou novas opções para os negócios de distribuição. Um deles, o envio direto, permite que os distribuidores evitem todos os problemas de controle de estoque e envio, nunca tomando posse física do produto. Nunca assumir o controle do inventário significa que seu investimento inicial pode ser muito menor. No entanto, esse é um mercado movimentado, difícil de ganhar dinheiro.

Descubra como vender seus produtos

Isso dependerá em grande parte de quem são seus clientes e que tipo de produtos você está vendendo. De qualquer forma, seu objetivo deve ser informar os clientes em potencial sobre seus negócios e o que você pode oferecer. Isso pode significar qualquer coisa, desde publicidade a reuniões pessoais com os proprietários da loja, até a otimização do mecanismo de busca (SEO).

  • Como parte da venda, elabore um plano de marketing para promover seus serviços. Isso pode incluir os custos de impressão de folhetos, criação de catálogos detalhando suas ofertas e colocação de anúncios em jornais ou revistas comerciais. Como uma pequena empresa, você pode esperar muito marketing durante os primeiros anos, até ter uma boa base de clientes e estabelecer uma reputação.

Determine como você financiará seus negócios

Com baixos custos de inicialização, você poderá comprar seu inventário e iniciar seus negócios com o dinheiro que você já possui. No entanto, custos de inicialização mais caros podem exigir a contratação de um empréstimo.

Introdução ao seu negócio

Forme sua empresa legalmente

Se você planeja operar como uma corporação, ou qualquer outro tipo de empresa, será necessário criar a empresa legalmente antes de poder fazer negócios. Verifique com os regulamentos estaduais e veja se você precisa criar um contrato operacional ou outro tipo de documento de fundação. Reúna todos os parceiros de negócios que você tem para este empreendimento e peça que assinem quaisquer documentos legais que preencher.

  • A principal vantagem de formar uma empresa é que suas finanças serão legalmente separadas das de sua empresa. Isso minimiza o risco para você no caso de sua empresa ser processada ou entrar em falência.

Torne seu negócio oficial, licenciando-o e registrando-o

Você precisará registrar o nome “fazer negócios como” (empresa) no escritório comercial da sua cidade ou município. Outras medidas legais podem ser necessárias para iniciar o seu negócio. Entre em contato com o escritório local da Administração de Pequenas Empresas para obter mais informações.

Encontre um local para sua empresa

O tamanho do espaço necessário para armazenar seu inventário será determinado pelo tamanho do seu produto e seu método de entrega (você não precisa de espaço no inventário para o envio direto). Você deve considerar começar pequeno, pois sua empresa cria uma reputação. À medida que sua empresa cresce, você pode mudar para instalações maiores que podem acomodar suas necessidades de estoque, como um armazém de distribuição.

  • É concebível que um negócio de distribuição bem-sucedido possa ser construído e administrado a partir de sua casa. Isso depende do tamanho físico do seu inventário, no entanto.

Entre em contato com os fabricantes ou atacadistas de seus produtos

Você precisará encontrar fontes nas quais você comprará seu produto. Para localizar fabricantes e atacadistas, entre em contato com a Associação Nacional de Distribuidores Atacadistas ou use um recurso on-line como http://thomasnet.com .

Compre inventário

Depois de encontrar uma fonte para o produto, é hora de fazer seu primeiro pedido. A menos que você esteja usando o modelo de envio direto, precisará comprar o estoque que achar que pode vender. Lembre-se não apenas das restrições de orçamento e espaço, mas também de quantos itens você provavelmente venderá primeiro. Isso vale especialmente para produtos com um prazo de validade curto. Ao fazer o pedido, tenha em mente as seguintes dicas:

  • Não compre muito estoque, principalmente no início.
  • Tente estimar as necessidades de seus clientes antes de investir em inventário.
  • Se você conseguir se livrar da sobrecarga baixa (armazenando itens em casa ou em um local barato), vá em frente.
  • Compre o inventário a um ponto em que você possa vendê-lo antes de pagar pelo fabricante ou distribuidor.

Crie um site para o seu negócio. 

Além de simples informações de contato, este site deve descrever preços e ofertas de produtos. Isso é especialmente importante se você vender diretamente aos consumidores.

  • Você também pode investir em otimização de mecanismo de pesquisa (SEO), que direciona clientes em potencial diretamente para o seu site, aumentando-o nos resultados dos mecanismos de pesquisa.

Crie um catálogo que expanda seus produtos

Você pode enviá-las a clientes em potencial, para que eles possam ver o que você tem a oferecer. Outra opção é destacar alguns itens e, em seguida, levar seus clientes em potencial a um site que mostre seu inventário completo.

Comercialize seu produto para clientes em potencial

Envie seu catálogo para clientes em potencial em sua área. Você também pode fazer chamadas frias ou colocar anúncios em publicações comerciais relevantes para seus produtos. Com alguma sorte e habilidade de vendas, seus primeiros pedidos chegarão em breve!

Esse artigo te ajudou? Vote 5 estrelas e apareça nos comentários! =)
Categorias